Tag Archives França

Na Grã-Bretanha, a primeira-ministra conservadora Theresa May prometeu força e estabilidade. Fracassou e a dúvida é quanto tempo ela aguenta no poder ou quando serão convocadas novas eleições após o fracasso de sua aposta de convocar os britânicos a votar na quinta-feira passada. O resultado é esta preservação por um fio dos conservadores no poder (graças ao apoio de um punhado de parlamentares de um pequeno partido da Irlanda do Norte). Que contraste com a França. No domingo, o centrista Emmanuel Macron conseguiu força e estabilidade já no primeiro turno das eleições parlamentares. As projeções são de que o seu partido, A República em Marcha, noviço como ele na arena eleitoral, saia do segundo turno no domingo que vem talvez […]

Dia de posse presidencial, dia de esperança para a França e para a Europa. Bonne chance, Emmanuel Macron. E boa sorte nas eleições parlamentares de junho. Quem sabe,  uma boa surpresa, como foi sua própria ascensão política, fruto de sorte e senso de oportunidade.

Emmanuel Macron vem aí. Assumirá a presidência francesa no próximo domingo. Ele tem consciência de que, caso fracasse, o fantasma de Marine Le Pen deverá rondar até as eleições de 2022 e além. Macron não pode ser um presidente normal, na patética autodefinição de François Hollande. Deu no que deu. Mas, de certa forma, foi uma benção, pois o desastre Hollande abriu caminho para seu ex-ministro da Economia Macron triunfar no domingo, com uma mensagem de mudança não demagógica. Ele deve ousar sem apelar para maluquices. Macron mostrou ser possível oferecer uma resposta liberal, global e centrista à política populista da identidade nacional, da xenofobia e do protecionismo. Ao contrário de outros políticos, novatos ou veteranos, ele não se rendeu […]

Esta segunda-feira, 8 de maio, é o Dia da Vitória, o fim da Segunda Guerra Mundial na Europa. Dia de celebrações pela derrota do nazismo. Da destruição, renasceu uma Europa menos tribal (e mais burocrática), que na base de erro e acerto faz um esforço nobre para aprender as lições de uma medonha primeira metade do século 20. No 7 de maio de 2017, Emmanuel Macron consagrou-se vitorioso nas eleições francesas com 66% dos votos, 32 pontos à frente da extremista de direita Marine Le Pen. Aos 39 anos, Macron agora é um dos líderes de uma Europa desgastada, desorientada e, na minha expressão, cansada da paz, ao lado da alemã Angela Merkel. Sim, a Europa sente os efeitos perversos […]

Pelas projeções, Macron teve uns 65% e Marine Le Pen uns 34%. Melhor do que se esperava para o único candidato que podia ganhar neste 7 de maio. Motivo de júbilo que a mensageira do ódio e intolerância não tenha alcançado a marca psicológica dos 40%, mas ainda é desalentador tanto voto para ela, o dobro obtido por seu pai na eleição de 2002. Mas, mesmo assim vamos celebrar. Problemas inglórios diante de Emmanel Macron, mas este é um domingo de glória para a França, para a Europa e para a civilização ocidental.

Este ex-coronel da KGB atua pela vitória desta mulher que chefia um partido com raízes no fascismo. E você?

Mesmo com a derrota na eleição francesa deste domingo, Marine Le Pen poderá cantar vitória. Ela tornou legítima a Frente Nacional, o partido com raízes fascistas e antissemitas fundado nos anos 70 por seu execrável pai, Jean Marie Le Pen. A Frente Republicana, consolidada em 2002 e que tapou o nariz para conferir a avassaladora vitoria de Jacques Chirac, contra Jean Marie Le Pen, está mais frouxa. Esquerda e direita não conseguem se unir com o mesmo vigor pragmático 15 anos mais tarde. Para muitos eleitores desencantados com o que está aí, a resposta será a abstenção, criando uma falsa e inquietante equivalência entre Marine Le Pen e o centrista Emmanuel Macron. Claro que a chance de vitória de Le […]

Existem as boas notícias, mas nem pensar em celebrações prematuras. Num brutal diálogo de surdos, o otimista Emmanuel Macron derrotou a furiosa Marine Le Pen no único debate televisionado entre os dois candidatos presidenciais franceses na quarta-feira à noite e as pesquisas mostram uma vantagem folgada, na faixa de 20 pontos, do candidato centrista sobre a extremista de direita. Eu, aliás, gosto da formulação do jornal espanhol ABC: é o embate entre a sociedade aberta e o bunker ultranacionalista. Então, tudo acabou antes de começar no domingo de votação? Claro que não. Nada de complacência. A revista The Economist adverte que uma surpresa “catastrófica” é possível e por este motivo os eleitores devem se unir contra Marine Le Pen. Venenosa, […]

A pouco mais de.uma semana do segundo turno da eleição presidencial francesa, as pesquisas dão uma vantagem de 20 pontos para Emmanuel Macron sobre Marine Le Pen (já foi maior). Dando os rótulos, tudo parece sob controle para o centrista no seu duelo contra a extremista de direita. Macron é, no trocadilho infame, o franco favorito e Marine Le Pen, a azarona. Pode dar uma virada ou será um tédio, sem suspense até 7 de maio? Donald Trump inspira Marine Le Pen em vários sentidos. Existem as afinidades ideológicas em questões sobre nacionalismo étnico, protecionismo comercial, hostilidade contra instituições multilaterais e a ideia de que sejam paladinos do povo contra as elites globais. Para a candidata francesa, Trump inspira em […]

  O primeiro turno das eleições presidenciais francesas no domingo teve três vencedores: o centrista Emmanuel Macron, a extremista de direita Marine Le Pen e os institutos de pesquisa. Desta vez, os institutos fizeram realmente bonito, após saírem com a reputação manchada em votações anteriores. Eu creio que as manchas são exageradas nos casos do referendo Brexit e Donald Trump. Na Grã-Bretanha, o erro foi muito mais de analistas do que dos institutos de pesquisa e na eleição americana houve acerto sobre a vitória de Hillary Clinton no voto popular. Mas deixa para lá o ano de 2016, o que conta é a França em 2017. As contas foram, de fato, quase na mosca nos principais institutos de pesquisa. Estiveram […]

Close
SiteLock